BLOG E SITES

  • LEITORES
  • 25 de jul de 2010

    FENÔMENOS DE EFEITO FÍSICO





    Olá! Dr.Jorge
                          Boa noite!

                                           Estou encaminhando esse e-mail particular que recebi de minha sobrinha,para o senhor vê, sei que é difícil de acreditar mais me impressionou um pouco, minha amiga que mora em ........ é espirita, casei em ...........e nesses anos de casada, só a vi pessoalmente em ......., mas sempre mantive contato com todos, então é como se nunca tivesse se separado,ela casou muito jovem, e não foi muito feliz no casamento, sempre foi uma pessoa que dizia vê visões, em........, um filho dela suicidou-se, logo depois mataram o se esposo, era uma pessoa boa,
    Minha amiga pediu para falar comigo, liguei para ela e ela me contou o que agora vou falar com o senhor. Falou que certa feita, ela estava em casa com a moça que  ajuda  a cuidar da casa, quando a pediu para fazer compras na rua, quando ela saiu minha amiga disse que foi ao quarto vê uns documentos e trancou a porta do quarto, na hora que pegou a caixa com os documentos, deu um abalo muito grande na casa e a porta do quarto mexeu e o trinco também, ela se assustou, e pensou que era ladrão, gritou -quem está aí e nada, e a porta se sacudindo, até que a moça veio chegando, ela gritou abriu a porta do quarto e falou que tinha gente lá, ninguém viu ninguem entrado nem saindo, chamou os vizinhos, vasculharam tudo, o quintal dela é grande, mas não era nada, graças a Deus não tinha acontecido nada, mas a policia veio com a viatura não acharam ninguém, ela disse que aquele clima esquisito dentro de casa, de repente deu um abalo e os obejtos da casa se moveram. Ela tem alguns cachorros, que na ocasião brigaram muito sem nenhum motivo ficaram cheio de sangue. ela chamou um padre e ele mandou ela ter calma que tudo se resolveria, as coisas se acalmaram, depois ela me falou que o padre informou que eram cinco na casa, quatro comandados por uma figura mostruosa, coisa antiga, mas encontrou todos fortes. Estou temeroso
    -

    -Prezado A.......

                A história de sua irmã é  comovedora  porque muitos de seus entes queridos se foram de maneira trágica. Mas quanto ao fato que ocorreu podemos dar uma explicação à luz da Doutrina Espírita.  Sua amiga sempre teve visões, como você mesmo afirmou, isso significa que ela apresentava ou possui uma mediunidade ostensiva. Outra coisa é,  para que acontecer o fenômeno do cenário descrito pelo seus familiares torna indispensável haver presença de médium de efeitos físicos.
    Allan Kardec estudou esses  fenômenos e explica que sem doação de fluidos de algum médium não  acontecem esses quadros que aterrorizam a maioria dos seres humanos.  Como não estivemos no local e nem  presenciamos os fatos, não sentimos o ambiente e sua irmã  não procurou um centro espírita para a explicação do ocorrido. Não podemos cair na precipitação de vincular as mortes dos entes queridos da família com o quadro que as pessoas descreveram. Evidentemente não é corriqueiro o que ocorreram com pessoas de uma mesma família.
    Mas para isso podemos ter muitas explicações   doutrinárias , principalmente pelos elos de resgate em processo expiatório em que grupos (re)nascem sob  a mesma família para que juntos venham sofrer  e  crescer  com objetivos espirituais. Sua amiga  teve a visão de a janela mexer sozinha, e a moça viu a casa cheia de gente. Sobre o comportamento inusitados dos cachorros, sabemos que o animal de fato tem uma sensibilidade que pode captar  vibrações extrafísicas do ambientes , sobretudo se foram frequências mas densas , portanto , negativas.
    A intervenção em objetos  dependem da doação de anergia  que Kardec denominou de fluido vital  animalizado(Charles Richet  denominou de ectoplasma) cujos doadores são  os médiuns de efeitos físicos. Para um melhor entendimento explicamos que existem dois tipos desses médiuns: os médiuns facultativos e os involuntários (ou naturais). Esses médiuns exercem influência a seu mau grado, isto é, contra a própria vontade no ambiente em que vivem e muitas vezes servem de instrumentos para a materialização dos espíritos.. Nesses casos nenhuma consciência  têm do que possui, o extraordinário muitas vezes lhe afigura normal, segundo e mestre de Lion.
    Eclodem e manifestam-se em todas as idades, e frequentemente em crianças ainda muito novas. Temos muitos relatos desses casos neste imenso País.
    Como auxiliar pessoas nessas condições? Fazendo o culto do evangelho no lar. Como? escolher uma vez por semana uma hora e com simplicidade fazer leituras edificantes  de cunho evangélico instante em que se deve estudar os  ensinamentos de Jesus conforme preceitua O Evangelho Segundo o Espiritismo e orar com fervor para que os companheiros espirituais atormentados que estejam presentes sejam socorridos devidamente.
    Sua irmã precisa de orientação espiritual, de estudo doutrinário, de trabalho em favor do próximo. Como é a visão de vida após tantos dissabores? Como é sua fé em Deus? Será possícer crer que tenha mediunidade? Acredita no valor de em um trabalho em prol dos mais desfavorecidos?
    Geralmente esses acontecimentos têm por objetivos despertar para um entendimento mais amplo da existência. Isso vale para a família toda, até mesmo para o religioso (sacerdote) que de qualquer maneira admitiu uma influência extracorpórea ainda que atrelado sob a ótica de demônios e  gênios do mal.
    Precisamos enfatizar o bem e materializarmos essa força poderosa que deve  nos comandar a vida. Nosso Divino Amigo nos ensinou"Conheçamos a verdade e a verdade nos libertará.”
     Espero ter contribuido com essa informações.  
    Fiquemos em paz.
    Abraços
    Jorge Hessen