BLOG E SITES

  • LEITORES
  • 21 de set de 2010

    NÃO PODEMOS FICAR INOPERANTES


    Jorge,

    As colocações que admitem reencarnação são no sentido de que, através do carma, cada um responde pelas consequências do que fez: faz e paga.
    Posto que Jesus é chamado por muitos de Salvador, de que terá ele nos salvado, caso o carma seja mesmo implacável, "...até o último ceitil..."?   Ainda sob o aspecto do carma, que sentido terão as palavras: perdão e misericórdia, dado que teremos que pagar cada falta?
    ABS
    MT


    Caro MT

    Creio que você esquece o ensinamento bíblico: A letra é morta mas o espírito vivifica. Esqueceu o ensinamento de Jesus"O amor cobre uma multidão de pecados". Claro que a misericórdia e o perdão serão agentes em todo processo em que haja arrependimento sincero, remorso operante. Nós, espíritas convictos, a vida é eterna devemos desmistificar tudo. Errou , paciência tenta acertar. Como escreveu nosso sábio Emannuel. 
    Quando caimos, caimos para frente para que ao reeguer estaremos vencendo alguns centimetros. É simbólico, mas lindo. Tudo está na intenção. Eu não queria fazer tal coisa que prejudicasse alguém , mas fiz. 
    Se tiver oportunidade de reparar , ótimo, vá até a pessoa com um diálogo construtivo, peça perdão, faça-se compreender . Isso não foi possível, existem inúmeros trabalhos nos esperando não podemos ficar na inoperância do remorso destrutivo. Isso não irá edificar nada. Jesus disse que com ele o fardo seria leve e o jugo suave. Não nos prometeu nada sem esforço. è preciso meditar nas lições evangélicas. 
    abs 
    Jorge Hessen