BLOG E SITES

  • LEITORES
  • 12 de out de 2010

    UMBANDA , PRETO VELHO, ESPIRITISMO


    Senhor Jorge, bom dia!
    Lendo um seu artigo intitulado :
    Manifestações de fundo umbandista no meio espírita , fiquei a refletir e gostaria de saber o que o senhor acha das manifestações de Joana de Angelis como freira, através do Divaldo Franco, durante todo tempo: de Bezerra de Menezes como um ancião de , pelo menos 90 anos, quando desencarnou por volta dos 60; de Irmã Scheila com os trajes de enfermeira do início do século?
    Por favor, gostaria muito de sber onde está a diferença de um escravo como preto velho, ou de um indio, como tal?
    Agradeço a sua atenção.

    J.........
    A diferença não está na apresentação das formas mas de fundo. Explico:  Na essencia, não há como comparar a cultura espírita (essencia) de Bezerra e de Joana com um espírito que ainda mantém os atavismos de escravo. Um preto velho ou assemelhado espiritual não tem conhecimento razoável de Espiritismo para doutrinar numa casa espírita bem conduzida, logo a ignorância do mesmo não me permite sequer comparar a manifestação de um preto velho, caboclo etc,  com um Bezerra e uma Joana.
    As entidades desse nível de conhecimento (pretos velhoe e outros) é muito útil no terreiro (e nem discuto isso) mas numa casa bem orientada pelos princípios espíritas a entidade estará SEMPRE na condição de APRENDIZ e como tal deve ser HUMILDE o suficiente para aprender aos poucos (e vai levar muito tempo para aprender Espiritismo)e mais tarde (sem atavismos) poder falar sobre espiritismo.
    Destarte, leia uma obra de Joanna e de Bezerra que observará a diferença. A umbanda tenderá com os séculos a ir se modificando com os conhecimentos da Terceira Revelação , aliás não só a Umbanda como todas as outras crenças.
    Estude Kardec e as boas obras complementares e você chegará a essa conclusão.
    No mais, muito obrigado pela atenção.
    Um abração
    Jorge Hessen













    Em 12 de outubro de 2010 09:55, jeny bastos escreveu:

    - Ocultar texto das mensagens anteriores -