BLOG E SITES

  • LEITORES
  • 25 de jan de 2011

    O PLANETA ESTÁ EM TRANSIÇÃO CONSTANTE



    Meu querido amigo


    Ante a tragédia que se abateu sobre a população do Rio de Janeiro creio que a maioria das pessoas compartilharam a dor coletiva de centenas de famílias chorando a perda de seus entes queridos. Á priori parece uma reflexão superficial analisar o desespero em larga escala concentrado em um estado pela lei das vidas sucessivas.. Um conjunto de fatores como você pontuou no seu artigo contribuiu para esse desfecho. Porém a força determinante de inúmeras famílias de ali se encontrarem para o resgate coletivo indiscutivelmente é a lei de causa e efeito. A justiça divina é perfectível, sem o instrumento da reencarnação como aceitar esse Deus de bondade em que uns são premiados e outros punidos?. Eu fui salvo, graças a Deus. Mas e o outro?Que coisa mais limitada achar que uma pessoa é abençoada e outras não. Meu amigo a visão espíritista contém o entendimento da vida e isso é um tesouro inestimável. Alguns confrades estão a disseminar o momento de transição. Mas quando não estivemos em momentos de transformações? Quando a Terra esteve isenta de dores , calamidades , doenças e catástrofes?Precisamos fazer uma reflexão mais apurada sobre o que passamos para o coletivo. Se estamos sendo selecionados moralmente em grandes tragédias não será vaticinar a visão apocalíptica?Ainda a minha questão persiste nesse item, quando foi que o homem deixou de lidar com grandes lutas? Não será o mesmo de sempre estarmos repetindo a mesma coisa, ainda que dizer de um resgate coletivo seja simplificar um complexo processo , mas isso é mais lógico e aceitável do que ficar a fazer filosóficas conjecturas que o mundo de regeneração está chegando. Tudo está chegando , não é mesmo , meu caro Jorge: crianças índigos, apômetras infalíveis, decodificação de Nostradamus, ovnis, maias etc, mas somente o Evangelho do Senhor deve prevalecer iluminando a noite escura de nossas almas atormentada para aconchegar nossos corações e fortalecê-los eternamente rumo a evolução que nunca para. abraços

    T..........
     
    T..............
    Bom amigo e dileto irmão,
    Você ,como sempre,   dando-me um banho de conhecimento doutrinário. Suas reflexões são exatamente iguais as minhas. Esse negócio de planeta em transição tem uma atmosfera um tanto misticisma e  inócua. Não considero de bom alvitre as "filosóficas conjecturas que o mundo de regeneração está chegando".
    Muitíssimo obrigado , mesmo!!! pelo carinho de sempre.
    Receba um abraço forte do admirador e amigo.
    Jorge